Texto as pessoas e seus problemas
Não ache que vou fazer deste blog um diário, nada disso, nunca faria isso é pessoal demais para mim. Mas a cada dia que passa percebo o quanto as pessoas são superficiais, acredite, nós mentimos o tempo todo, nos somos mentirosos. Não se sinta ofendido mas pare e pense, quantas vezes dissemos que estávamos bem só para não incomodar ou até mesmo com medo da incompreensão que as pessoas teria diante do seu problema? Ta vendo? É disso que estou falando.

Existem milhões de pessoas no mundo mas as você se senti tão sozinha, a sensação de infelicidade é constante as horas passam devagar e aquela nuvenzinha negra ta ali em cima de ti, dizendo que não irá conseguir te oprimindo te deixando mais e mais decepcionada com a si mesma.

Dizem para para você que tudo vai melhorar, que tudo vai ficar bem, batem levemente no seu ombro em sinal de ''apoio'', que coisa horrível. Mas você sabe que é mentira alias você mente também, mente toda vez quando alguém pergunta se esta bem, diz que sim e dar um sorrisinho feliz para comprovar a resposta. A verdade é que o mundo em que vivemos há uma grande falta de solidariedade, gentileza, sensibilidade e educação. O ''Cool'' de hoje é ser um cara babaca, desprezando garotas que ele provavelmente esta a fim mas como ele é bacana, ele irá dar uma de difícil, a garota padrão e linda é aquela que ri de tudo (tudo mesmo) aquela que tem que se fingir de fraca e burra para nota-la, xingar aquelas que nem mesmo conhece e dizer que tudo isso é inveja.

As redes sociais é um verdadeiro expositor de vidas felizes, comidas deliciosas no Instagram, aquela Selfie incrível do Facebook, as piadinhas hilárias do Twitter. Todos temos problemas e vida perfeita não existe e nunca existirá, se você acha que só porque fulano tem muitos amigos ou ta incrivelmente feliz na foto não significa que ele ou ela é de fato feliz, felicidade é um sentimento e não um estado de vida, ninguém é feliz por inteiro sempre haverá algo para te abalar te deixar triste ate porque isso irá fazer a gente melhorar como pessoas conseguiremos enxergar com mais clareza a nossa situação e as dos outros. Eu particularmente acho que as pessoas deveriam cuidar mais das outras, o que quero dizer é dar mais atenção aos sentimentos e problemas alheios, aquele seu amigo super engraçado pode estar sofrendo por dentro, pode estar sentido medo de algo. ''Poxa como irei saber disso?'' - Sinais. Sim sempre terá sinais que a pessoa transmitirá, conversar e trocar ideias é algo maravilhoso mas ajudar e dar apoio de verdade, lembre-se apoio de verdade e não aquele tapinha no ombro dizendo que vai ficar tudo bem, mostre as pessoas uma nova percepção de vida e ensine a vive-la da melhor maneira.

Resenha do livro Obsidiana
Livro: Obsidiana
Série: Saga Lux (vol 1)
Páginas: 320
Editora: Valentina
Ano: 2015
Autora: Jennifer L. Armentrout
Onde comprar: Saraiva

Sinopse: Começar de novo é um saco.
Quando a gente se mudou para o interior, bem no início do último ano do colégio, eu já vinha me preparando para o sotaque caipira, o tédio, a internet lenta e um monte de chatices…Até dar de cara com o meu vizinho lindo, alto de dar tontura e com intimidantes olhos verdes. Hummm…os prognósticos estavam melhorando.
Até que…ele abriu a boca.
Daemon é irritante. Arrogante. Dá vontade de matar. A gente não se dá bem. Não mesmo. Mas, quando um caminhão quase me transforma em panqueca, o garoto literalmente congela o tempo com um aceno de mão e aí, bom, algo inesperado acontece.
O alien gato (meu vizinho) tem poderes!!!
Você me ouviu bem. ALIEN! A verdade é que ele e a irmã têm uma galáxia de inimigos que querem roubar seus poderes. O rastro que deixou em mim brilha como árvore de natal e isso não é nada bom. O único jeito de sair viva dessa é ficar colada em Daemon até a magia alienígena desaparecer.
Quer dizer, isso se eu não matar o cara primeiro.
A história em si começa com Katy Swartz e sua pequena antipatia com Daemon Black que por sinal é o seu vizinho e brigam muito, pois ele tem uma mania de querer sempre defender e afastar as pessoas humanas de sua irmã (pois eles são alienígenas) , com medo de que algo aconteça, como aconteceu com seu irmão gêmeo a muito tempo atrás, e com tudo isso Katy começa a desconfiar deles sobre sua verdadeira identidade que pode botar em risco sua vida e levar a morte para seus amigos aliens com seus inimigos, que são os Arum (aliens do mal).

Quando li a sinopse desse livro fiquei curiosa, pois não é todo livro que fala sobre alienígenas né? Bem, acho a história um pouco enrolada mas a linguagem dele sempre foi leve do começo ao fim.
Comecei a lê-lo e logo de cara me encantei, principalmente onde a história diz que o amor entre um alienígena e uma humano é proibido, pois pode gerar morte para os dois e a família. Não devemos esquecer dos personagens começando pela Katy e sua atração pelo Daemon, cuja tem uma irmã chamada Du que se apaixona pelo Adam (um alien) e muitos outros que vocês iram descobrir.

O livro é narrado em primeira pessoa e o que mais amei nesse livro foi a capa, que representa muito bem o livro. Na minha opinião a história tem grandes mistérios. Na verdade quase tudo é bem obvio, o fato de Daemon ser um idiota com Katy nos faz querer dar uma surra nele, mas sabemos que isso tudo é só amor que ele esta adquirindo por ela hahaha.

– Você não parece um alien! – Ele arqueou uma sobrancelha.– E como aliens se parecem?-Não… Não como você – Balbuciei – Eles não são lindos.– Você me acha lindo? – Ele sorriu.” 

ATENÇÃO: Esta resenha não foi feita por mim e sim pela nova resenhista do blog ''Milena'', apenas a publiquei.

Classificação:

Oie leitores ❤

Faz tempo que não posto resenhas aqui eu sei disso viu, mas a falta de tempo e os trabalhos escolares me atrapalharam muito e apesar de ficar um pouco triste com tudo isso eu prometo que vou me esforçar mais alias não comprei um template e um domínio atoa né?

Pois bem, esse ano quero muitooo mesmo conseguir alguma parceria com editoras (quem não quer né?) é tao bom quando reconhecem nosso trabalho e esforço. Como eu precisava de uma pessoa a mais resolvi inserir um nova resenhista aqui no blog, essa pessoa é a minha prima e ela se chama Milena, ela adora ler e já leu muito mais livros que eu acreditem, ou seja muitas resenhas para postar.

Eu a convidei e ela topou (ebaaa), lembrando que, ela será apenas resenhista ou seja só irá postar resenhas (e ela nunca fez resenhas para outros blog ou seja vai começar do zero igual a eu na primeira resenha que fiz)  e claro eu vou continuar postando resenhas e outros assuntos do blog okay? Eis sua apresentação pessoal abaixo:



Olá, me chamo Milena e tenho 18 anos e já li vários e vários livros que já perdi ate a conta, meu primeiro livro foi FALLEN e minha preferência literária são romances e ficção fantástica.  O objetivo nesse blog é contar cada uma das histórias que já li.
Espero que gostem ❤





É isso gente, espero que entendam e gostem das mudanças do blog, bjs.

Ps: lembrando que daqui a pouco tem resenha nova.

Oie Leitores ❤

A Lorde é um das minhas cantoras preferidas e já fazia um tempo que ela não lançava música nova. Agora, com álbum novo denominado Melodrama o segundo ate então, Lorde surge novamente com sua nova música Green light.
Green light tem um tom mais animado apesar da letra da mesma não ser alegre, visivelmente um música mais pop, do que aquelas do seu álbum antigo. Eu confesso que adorei, Lorde tem uma voz e um talento incrível basicamente tudo que ela fizer será bom (okay, né?).

Assista o clipe clicando aqui.

Oie leitores ❤

Saudades desse cantinho, faz tempo que não posto nada aqui né? Pois é eu já não tinha nenhuma resenha a postar já que não tinha lido nada esses tempos ainda tive o bloqueio criativo (to me recuperando haha) pra piorar tudo, como queria e sempre quis e ainda quero que esse blog vá para frente, decidi que era hora de mudar.

Eis que resolvi colocar um domínio próprio tirar aquele blogspot dali para dar uma cara de mais profissional sabe, depois de pesquisar muitooo achei a Hostgator, com um preço bem mais ou menos (R$ 45,00/anualmente) me arisquei pensei: vai ser este mesmo uai, admito que deu um pouco de dor de cabeça mas por conta minha mesmo ate porque como eu nunca tinha mexido com isso estava meio perdida, mandei alguns emails para o suporte da empresa e eles me atenderam super bem sem contar que resolverão rapidinho a questão do apontamento e etc essas coisas todas. Indico a Hostgator pra todo mundo aê rsrs.

Ai veio a questão do template, eu não trabalho (okay?) por isso não tinha e continuo sem money e nem meus pais tem dinheiro disponível para que eu possa encomendar um template do jeitinho que eu quero, aliás vocês já viram o preço de template sob encomenda, caro demais porém respeito o valor cobrado porque são lindos sem contar o trabalho que dar para fazer um. Poxa. Não queria ficar com este e nem mesmo aqueles free, procurei algumas web designers e achei a Karoline ela tem um loja virtual esta aqui Inlove Design, achei uns templates prontos e com um ótimo preço foi lá que comprei este.

Enfim estou muito feliz com este novo blog pode se dizer, porque agora teremos novidades, mais posts, mais resenhas, mais livros tudo que eu e vocês gostamos.

O sol brilhava intensamente no céu, a brisa soprava seus cabelos e seus passos delicadamente ensaiados pisava sobre as calçadas da grande cidade em que morava, poderia ser mais um dia calmo em sua vida claro, se não fosse a tal improducência da pessoa que dirigia aquele maldito carro. Samantha ainda se lembrava do ocorrido, que ato de covardia que aquele motorista fez, se tivesse respeitado a faixa de pedestres Samantha ainda teria duas pernas.
Caída no chão ela gritava desesperadamente queria ajuda e a teve, graças a Deus. Até quando seus olhos se fecharam e após um breve momento ela acorda com uma sensação diferente, o ar úmido e frio, as luzes piscavam, incomodada por estar deitada em uma cama estranhamente dura, Samantha tentou se levantar porém logo desistiu desta ideia após notar que suas duas pernas estará faltando.
Seus olhos cinzentos fixaram em um só ponto de sua visão, suas pernas...

Esta não era a melhor forma de seguir na vida, ela não achava isso alias, ninguém acharia uma coisa dessas. Ao fim do dia sua mãe perguntou se estava se sentindo bem?

- Acho que não consigo viver desta maneira, mãe.

- Você é uma pessoa forte.

-  E se eu não for?

O silêncio pairava no ar, e se a garota de apenas dezesseis anos não conseguisse superar, e foi exatamente nessa hora que Samantha começou a se esvanecer, na hora os médicos disseram que ela estava tendo algum tipo de sagramento no cérebro, o quarto em que estava começou a girar, não conseguia escutar com clareza como antes, foi então quando algo muito parecido com slides ou até mesmo um filme passando em sua mente se lembrou de seus pais, seus irmãos, sua cachorrinha adorável e todas as felicidades que teve ao lado de sua família.

''Posso ir agora''

Quando tudo ficou escuro e seus lindos olhos se fecharam para sempre...

Mais um ano que se vai para dar espaço a um ano novinho que vem, quantas coisas você viveu este ano sendo elas intensas ou não, boas ou ruins e tentou dar o máximo de si mesmo para agradar alguém cujo na verdade nem valeu muito a pena ou mesmo se esforçou para mostrar a todos e para si que era uma pessoa forte e que saberia lidar com situações desagradáveis, se falhou eu certamente não sei, as metas que escreveu no caderno a maioria não foram alcançadas, realizadas, apenas palavras que se instalaram em uma folha de papel, talvez coitadas, sem nenhum valor.

E é bem provável que fez ou ainda iria fazer novas metas, novas expectativas, a mesma historinha de que se usar tal cor o ano será bem melhor, e se... Experimentasse coisas novas, deixasse o passado e o futuro de lado e vivesse intensamente o presente, é algo a se pensar mas não pense muito porque este é um dos seus problemas você pensa demais por ser exatamente assim, quantas oportunidades foram perdidas, quantas escolhas certas foram trocadas por escolhas erradas.

As vezes penso que se nos preocuparmos mais com a nossa própria felicidade, se amassemos a nós mesmos tanto como amamos outra pessoa viveríamos mais felizes, sem muitas preocupações desnecessárias, sem muito stress, e é aí que vem a mudança, o que seria mudar? Seria viver o presente e não o passado, seria vestir qualquer cor no Ano novo até porque sua felicidade depende de você mesmo e não de uma simples cor, seria escolher por extinto naquele momento e não para agradar alguém que não mereça, seria amar alguém que te ame, seria ser uma pessoa melhor uma pessoa de luz e amor, seria sorrir mais, abraçar mais, beijar mais, seria ser apenas você mesmo.
A mudança começa quando sua perspectiva de vida muda e quando você muda porém para melhor muito melhor.

Feliz Ano Novo!
Lorena Xavier