Texto Formem Grupos Crianças
Sempre soube que eu era uma boa observadora, sempre mesmo.
Talvez fosse por causa da minha timidez ''aguda'' que me fez aguçar minha capacidade de avaliar e observar um determinado lugar, objeto ou pessoa, ou talvez minha total falta do que fazer, não sei o que ampliou esse ''dom'' eu diria, mas sei que muitas vezes essa minha tal característica foi bem útil para mim em diversas situações.
E durante alguns meses eu tinha começado a desconfiar de um determinado comportamento dos jovens e as vezes adultos, comportamento este muito desprezível e ridículo por sinal. Lembrando que não estou aqui escrevendo este texto para julgar uma pessoa em especifico alias ninguém é igual a ninguém, falo de modo geral, as pessoas em geral, o texto serve apenas para refletir um pouquinho e talvez abrir a mente pequena de algumas pessoas que compartilha este comportamento.

- Formem grupos crianças! eu odiava essa frase e ainda odeio, geralmente esta típica frase é dita somente por professores interessados em juntar você com outros coleguinhas ou não para fazer um maldito trabalho em grupo. Você deve estar se perguntando qual é o propósito disso tudo calma, eu vou dizer.
Acontece que, desde de pequenos aprendemos a nos separar das pessoas, um exemplo é a situação que citei acima, e acho que a escola é o começo de tudo, é aonde aprendemos a formar grupos, e é aí que aprendemos a socializar e conviver com outras pessoas surge também as amizades e fica tudo muito legal até você começar a achar que existe apenas seus amigos e você  no universo todo e pensar que tudo gira em torno de si, afastando todos aqueles que tentam chegar em vocês todos aqueles que pedem um minutinho de atenção, todos aqueles que pedem um favor ou ajuda, aliás é bem justo mesmo né? (não, não é) só se importar com aqueles que fazem parte do seu ciclo social, só ajudar sua amiguinha, só se importar e ser boazinha com gente que conhece, desprezando e tratando com certa ignorância os outros é como se as outras pessoas não tivessem um pingo de valor, depois de um tempo vem se gabar dizendo que gentil é legal com todo mundo e que ajuda as pessoas, de fato você é tudo isso, mas só com a rodinha de amigos.

A verdade é que a maioria dos adolescentes são egocêntricos e só se importam com o próprio nariz, acham que essa fase nunca vai acabar e que ser malvado(a) é mais bonito e mais legal do que ser uma pessoa grata e gentil, aquela que dar um mero bom dia e ajuda mesmo quem não merece ou não conheça.
Acho que pelo menos uma vez na vida, devemos nos colocar no lugar de alguém para podermos sentir o que outro esta passando, quantas vezes nos sentimos incompreendidos ou solitários? Pense bem, você poderia estar no lugar desta pessoa, pense como seria ruim, e não apenas sobre ser solidário não, é questão de querer ser um humano melhor mesmo, vai que você um dia possa virar uma inspiração para alguém? Pense nisso.
Gente entenda uma coisa não há beleza na arrogância muito menos na futilidade,
experimente ser um novo ser, acredite, a simplicidade, a gratidão e a humildade é a coisa mais rara e mais preciosa que uma pessoa tem ou pode ser.

Lorena Xavier 

2 Comentários